Lu e seu primeiro post! \o/

agosto 20

Oi, gurias! Há meses venho convencendo a Lu Brito a escrever aqui no blog. A Lu me inspira muito! Isso porque ela se ama exatamente como ela é! A Lu tem pele negra e cabelo black power! Ela é linda e meiga! Tenho certeza de que vocês vão amar os posts dela! Ela vai dar dicas de como cuidar de cabelos afros, além de penteados e tudo o que é tendência para as meninas que tem o cabelo como o dela! Hoje é sua estréia, vamos ver?

Beijo, Mari Simionato

Oi, gente! Sou a Lu e para dar  as boas vindas ao blog, contarei como foi o meu processo de transição.

Captura de tela 2013-08-20 às 10.10.03

Há exatamente um ano e dois meses, aboli a química dos meus cabelos! Esta transição e esse grito de liberdade aconteceu depois de ter queimado todo o meu couro cabeludo com essas químicas que compramos na farmácia e passamos em casa (muitos anos fiz isto para ser aceita em uma sociedade que não me enxergava e não aceitava o meu cabelo).

Foi então que fui em uma amiga minha cabeleireira e disse que queria cortar meu cabelo bem curto, e assumir ele ao natural, começava então o meu Big Chop.

E tem que ter muita coragem e força de vontade ,pois o grito de liberdade acontece no momento em que você se aceita do jeito que você é, como você veio ao mundo e você está aqui para ser feliz!

Você vai sim esbarrar em pessoas com uma falta de educação e de ética, que vão fazer piadinhas com o seu cabelo, mas lembre-se: elas são assim não por que querem, mas são influênciadas por algo. Você é mais que essas piadas de mal gosto, com essa descriminação (sim! Ainda existe muito, principalmente aqui no Brasil).

Algumas pessoas me apoiaram, outras não! Mas sou guerreira e não desisto fácil se eu sei que é para o meu bem, para a minha felicidade.

Neste período de transição conheci as Meninas Black Power, na qual faço parte do coletivo representando o Sul do Brasil. Foram essenciais, pois além de muitas dicas de como hidratar o cabelo, muitos jeitos de prender, penteados, makes, etc, elas não deixam guria alguma com sua auto estima para baixo.

E hoje sigo feliz com o meu Black Power, com a minha coroa, com o meu grito, nesta caminhada que é longa, mas gratificante! E poder compartilhar, poder ensinar e poder ser referência para todas nós que somos lindas e únicas.

cabelos_cresposBeijos e abraços crespos!

Lu Brito!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *