Tag: maternidade

MATERNIDADE: Calças Saruel para meninos

agosto 21

Mamães de meninos, este post é para você!

Procurando roupinhas para o Benjamin, me deparei com as fashionistas calças saruel da Baby Drooling. Se engana quem pensa que é difícil vestir meninos de forma estilosa, basta um pouco de criatividades das mamães, né? E as calças saruel ajudam bastante a deixar o bebê confortável e arrumadinho ao mesmo tempo.

Bolsas de maternidade personalizadas

agosto 16

Oi, meninas!

Ouvi dizer que quando nasce uma mãe, nasce também o medo e a culpa. Eu poderia adicionar algo mais aí: quando nasce uma mãe, nasce também a ansiedade! Hahaha! A gente já quer logo ver o rostinho do bebê, organizar o quarto, as roupinhas, bolsa de maternidade, etc. E isso ficou ainda mais latente em mim depois que ganhei o kit de bolsas de maternidade da Uai Baby! Sério, quase chorei quando abri as caixas e comecei ver cada peça.

Eles me mandaram o kit completo, todo de couro e com o bordado do nome do Banjamin. Além de serem peças lindas, são de alta qualidade!

MATERNIDADE: Fotos de gestante + dicas para escolher o look

agosto 14

Oi, meninas!

Quando estive no Brasil fiz fotos lindas de grávida com a minha fotógrafa favorita, a Julia Gasparoto. Fomos para o interior do Rio Grande do Sul, em Capitão porque eu queria algo com natureza e muitas árvores. O resultado não poderia ser diferente: lindo e romântico, bem como eu queria.

IT IS A BOY!!

junho 27

Desde que nos casamos, em 2011, eu o Tony já havíamos escolhido os nomes dos nossos futuros filhos. Se fosse menina seria Isabela, se fosse menino, seria Benjamin. Estes nomes sempre soaram fortes para mim. Depois que nos mudamos para os EUA, percebi que estes nomes também se adaptavam facilmente a cultura americana, sendo nomes que tanto brasileiros quanto “gringos” entendem e falam direitinho.

Há alguns dias, como muitos viram na Livestream que fizemos no Facebook, descobrimos o sexo do bebê: BOY!

Estamos muito felizes e gratos à Deus. Depois da celebração, não conseguíamos dormir de tanta emoção e alegria lendo todas as mensagens de amor e carinho que recebemos. Se você não viu o vídeo, é só clicar AQUI.

Bem lá no fundo, eu sentia que era um menino. Cheguei a sonhar duas vezes com menino, mas nunca queria admitir porque caso fosse uma menina, sabe?

Minhas amigas americanas preparam tudo para mim bem como eu queria, de forma simples e especial. Para mim o mais importante mesmo era celebrar com meus amigos aqui e com minha família no Brasil que pôde assistir tudo através das redes sociais. Foi muito especial e emocionante! No final, ficamos MUITO sujos de giz azul e a noite acabou sendo super divertida.

Agora que já sei o sexo do meu bebê fica muito mais fácil de comprar roupinhas, decorar o quarto, etc, né?

E aqui vai o significado do nome BENJAMIN:

Benjamin significa ‘filho da mão direita‘. Pode-se compreender também como sendo o ‘filho da força‘ ou ‘filho da felicidade‘, cuja interpretação remete a valores morais corretos, além de acuidade para tomar decisões justas que demandam muita sabedoria e coragem.

O nome Benjamim é uma derivação do hebraico Bineyamiyn, onde acontece a união dos termos ben, que é “filho”, e yamiyn, cuja tradução é “mão direita”. Na língua portuguesa a grafia deste nome masculino pode ser vista com um -n ao fim, assim como no inglês, no alemão e no francês, sendo comum o uso de Ben enquanto diminutivo.

O nome está citado em mais de cento e vinte passagens bíblicas. Apenas quatro delas estão no Novo Testamento, enquanto o restante aparece no Antigo, com maior incidência nos livros de Gênesis e nos dois volumes de Crônicas.

FONTE: Nomesbiblicos.com

Lindo, né? Eu amo meu Benjamin! <3

Obrigado por se alegrar com a nossa alegria!

Super beijo,

Mari

GESTAÇÃO: Como descobri + primeiro trimestre

junho 18

Olha quem voltou a escrever por aqui!

Eu tenho blog desde 2005, não esse, tinha outro nome, mas desde lá amo escrever para quem me segue virtualmente. Mas há 2 meses que não passo por aqui, meu Deus! Tudo culpa de um pequeno (a) ser que vive agora dentro de mim. Desde que descobri que estou grávida, só tenho cabeça para isso e só quero dormir! Hahaha. Mas cá estou eu de volta e quero compartilhar com vocês o que tenho vivido desde que descobri que estou grávida.

Desde o final do ano passado, eu o Tony começamos a sonhar em ter filhos, depois de 7 anos de casados. Comecei a me preparar com exames e ácido fólico, mas não tinha parado de tomar anticoncepcionais. Decidi parar no final de fevereiro e descobri que estava grávida no final de abril. Foi muito rápido!

Mesmo sendo um bebê planejado, quando fiz o teste depois de minha menstruação atrasar 4 dias e o exame deu positivo, eu fiquei sem reação. O Tony pulava e gritava de alegria e eu simplesmente não sabia o que fazer! Hahaha, Eu não estava triste, mas estava em choque! Lembro que tomei banho, chorei, orei e dormi. Quando acordei aquele misto de medos havia passado e meu coração se encheu de alegria. Conversando com outras mães, percebi que isso é totalmente normal. Se acontecer com você, já sabe!

Depois de tudo isso, eu e o Tony saímos para comprar a primeira roupinha do bebê, que também usaríamos para contar para nossa família. Descobri numa segunda e na sexta já viajamos para o Brasil, então foi o tempo perfeito!

Fizemos as primeiras consultas no Brasil, só para vermos se estava tudo certinho com o bebê e quando chegamos nos EUA já começamos nosso pré-natal aqui. Muita gente me pergunta a diferença entre os dois países, mas não sei como responder, afinal, nunca fiz pré-natal no Brasil. O que eu sei é que aqui não há opção entre parto normal ou cesária. Quem decide isso é o médico quando o bebê está quase nascendo.

Quase não tive enjoos, vomitei penas uma vez e tive quase nada de sintomas. Meu médico sugeriu perguntar para minha mãe sobre as gestações dela e todas foram muito tranquilas também! Também não tive desejos e nem parei de comer nenhum alimento específico. Cada corpo reage diferente e até aqui tem sido super tranquilo comigo.

Meus pais, irmãos e sogra já fizeram passaporte para virem me ajudar nos primeiros meses e isso me deixa MUITO feliz!

Agora que os três primeiros meses já foram e eu voltei a rotina, vou compartilhar mais aqui com vocês, tá?

Obrigado por viverem esse momento com a gente!

Um beijo,

Mari, Tony e bebê!